Quarta-feira, 11 de Abril de 2007
De acordo com o que foi hoje noticiado no Telejornal (fico sempre com dúvidas sobre se ainda assim se chama), um sujeito qualquer em Faro atropelou mortalmente uma senhora, de 38 anos, grávida de trinta e tal semanas... Aquilo que parecia um atropelamento e fuga foi, ao que parece, coitado, um grande mal entendido! É que na versão do senhor, ele até saiu do carro para ver em que é que tinha batido... Mas como uma pessoa atropelada no meio da estrada é difícil de ver (esta parte do depoimento aditei eu), não percebeu o que tinha acontecido, regressou à viatura e seguiu viagem...

E é assim... Confunde-se uma pessoa com nada, e fica um bebé sem mãe por meia dúzia de copos de tinto!

PS1 - Sim, estou a fazer juízos de valor - mas que se lixe!
PS2 - O bebé nasceu, pouco depois, de cesariana, e parece que está clinicamente estável. Valha-nos isso!


publicado por AB às 20:58 | link do post | comentar | favorito

1 comentário:
De Lima a 13 de Abril de 2007 às 18:58
O grave não são juízos de valor, mas sim juízos d valor precipitados ;)


Comentar post

Definição: pessoa que fala muito e sem pensar.
mais sobre mim
Fevereiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28


posts recentes

5/2010

4/2010

3/2010

2/2010

1/2010

HOJE.

CONTINUANDO.

CANSEI-ME.

DIA 79.

DIA 76.

arquivos

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

blogs SAPO
subscrever feeds